• JÁ PENSOU EM VER GOVERNO E STARTUPS TRABALHANDO JUNTOS?

    Parceria entre governo e startups para gerar inovações para o setor público.
    É o Estado de São Paulo cada vez mais inovador e em busca de novas soluções.

O que é o Pitch Gov.SP

Como juntar startups e desafios de interesse público? O Pitch Gov.SP surgiu para responder essa pergunta.

Com o programa, empreendedores podem apresentar os seus projetos a representantes do governo, solucionando desafios das mais diversas áreas, de educação a transparência.

Já na segunda edição, o programa já viu mais de 500 soluções diferentes para 42 desafios de 8 áreas do Governo do estado. Sistemas de inteligência artifical, robôs de atendimento, redes colaborativas. São inúmeras as possibilidades de parceria sendo implementadas para melhores serviços públicos.

A Subsecretaria de Parceria e Inovação, ligada à Secretaria de Governo, é a responsável por coordenar o programa que já foi um sucesso em sua primeira edição.

Startups finalistas

Dúvidas Frequentes

1. O que é uma startup?

Startups são empresas em fase inicial que desenvolvem produtos ou serviços inovadores, com potencial de rápido crescimento.

2. O que é um pitch?

Pitch é uma apresentação rápida em que o empreendedor apresenta o seu negócio de forma clara e concisa.

3. Por que promover um evento como o Pitch Gov.SP no Governo do Estado de São Paulo?

O Governo do Estado de São Paulo tem estado atento às soluções tecnológicas inovadoras que, a todo momento, têm sido desenvolvidas para resolver ou contribuir com diversos problemas e necessidades da sociedade. O Pitch Gov.SP procura aproximar essas soluções dos desafios enfrentados pelo setor público.

4. Como foram definidos os desafios?

11 órgãos ou entidades do Governo, com o apoio da Secretaria de Governo, definiram prioridades e construíram os principais desafios que poderiam se beneficiar de novas soluções tecnológicas.

5. Quem pode participar do evento?

Podem participar startups que possuam Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica há no máximo 7 anos e que apresentem uma ou mais soluções nas áreas indicadas, sendo observada a conexão com os desafios propostos.

6. Se eu tenho uma solução para uma das oito grandes áreas que não se enquadra nos desafios propostos, posso participar?

Sim, sem problemas! Só é importante perceber que, entre os critérios avaliados na seleção, há uma pontuação para conexão ao desafio. Se a sua solução não estiver diretamente conectada, não ganha esses pontos.

7. Serão priorizadas startups que responderam a múltiplos desafios?

Não. As soluções serão analisadas de acordo com a conexão a um dos desafios, mas as startups devem se cadastrar indicar todos os desafios que se relacionam com a solução proposta.

8. Quão desenvolvida precisa estar a solução para que minha startup possa participar?

O Pitch Gov.SP quer trazer soluções concretas que possam ser implementadas de imediato. Por isso, serão consideradas apenas aquelas soluções que já possuem protótipos funcionais.

9. Quantas soluções serão selecionadas?

Serão selecionadas 16 soluções que serão apresentadas no evento Pitch Gov.SP em novembro. Depois, elas serão convocadas para a formalização de convênio e realização dos testes.

10. Como as soluções serão implementadas após o evento?

As soluções selecionadas poderão ser testadas de acordo com a escolha dos órgãos e entidades envolvidas. Para isso, será criado um plano de trabalho e formalizado um convênio, sem repasse de recursos financeiros. Assim, as startups terão a chance de utilizar a estrutura dos órgãos para testar as suas soluções.

11. Qual o benefício para as startups que assinarem o convênio?

O convênio será formalizado na fase de teste da solução e não prevê repasse de recursos. Ainda nesta fase o Governo irá analisar as necessidades de cada uma das startups selecionadas e buscará outras formas de apoio. Caso haja interesse da secretaria e dos órgão responsáveis na continuidade das parcerias, a contratação das soluções será estudada caso a caso.

PITCH GOV.SP FAPESP

E se, além do soluções inovadoras já existentes, você ainda pudesse desenvolver pesquisas com a sua startup?

Nem todas as soluções conseguem ser testadas de imediato e algumas precisam de apoio para desenvolvimento e pesquisa. Por isso foi criado o Pitch Gov.SP FAPESP, unindo a estrutura de testes do Pitch Gov.SP com o financiamento de pesquisa do programa Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE) da FAPESP.

Nessa edição, institutos de pesquisa ligados à Secretaria de Saúde sugeriram 55 desafios. De monitoramento de indicadores de desenvolvimento infantil até materiais radiologicamente equivalentes ao tecido humano. Foram mais de 30 soluções inscritas e os resultados saem em março de 2018.

Pitch Gov.SP FAPESP

Fale Conosco

* Campos de preenchimento obrigatório

Parceria e realização

Governo do Estado de São Paulo
Associação Brasileira de Startups
PRODESP
SEBRAE SP
Governo do Estado de São Paulo